Cidades da América Latina e Caribe se reúnem no Congresso Mundial ICLEI por maior integração

Membros da rede na América Latina e Caribe lideraram discussões para construção da agenda estratégica do ICLEI na região rumo a um futuro urbano sustentável.

12 de abr de 2015

Reprodução

Durante a passagem de Cidades e Regiões do mundo todo por Seul para o Congresso Mundial ICLEI 2015, membros da rede na América Latina e Caribe lideraram discussões para construção da agenda estratégica do ICLEI na região rumo a um futuro urbano sustentável. A Reunião do Comitê Executivo Regional para América Latina e Caribe (RexCom LAC) e a Reunião de Membros da América Latina e Caribe chamaram por maior integração do bloco de cidades da região em fóruns perenes para intercâmbio sobre políticas de sustentabilidade urbana.

Na primeira reunião presencial do novo Comitê Executivo Regional para América Latina e Caribe 2015-2018 (RexCom LAC), eleito no final de 2014, os representantes dos Prefeitos de Quito, Equador, Verónica Árias; de Itu, Brasil, Patrícia Otero; de Puebla, México, José Luis Romero Morales; e o Prefeito de San Rafael de Heredia, Costa Rica, Jorge Isaac Herrera Paniagua elegeram quatro temas prioritários para promoção da sustentabilidade entre as cidades da região ao longo do presente mandato:

• Portfólio Cidades Sustentáveis (conectado à definição dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável e nova agenda urbana pelo Habitat III): a ser representado pelo Prefeito Mauricio Rodas Espinel, Quito, Equador

• Portfólio Gestão de Resíduos Sólidos: a ser representado pelo Prefeito Antônio Luiz Carvalho Gomes, Itu, Brasil

• Portfólio Smart Cities (com foco em Eficiência Energética e Mobilidade Urbana): a ser representado pelo Prefeito Jose Gali Fayad, Puebla, México

• Portfólio Adaptação e Resiliência: a ser representado pelo Prefeito Jorge Herrera, San Rafael Heredia, Costa Rica

O Comitê adotou também o Regimento Interno que regulará seu funcionamento, prevendo reuniões presenciais anuais e reuniões virtuais a cada três meses. Os representantes deverão agora detalhar propostas de promoção de seus portfólios em uma agenda de trabalho a ser seguida, que deverá incluir também diretrizes para atuação dos Secretariados Regionais. O próximo encontro presencial do Comitê será recebido pela Cidade de Quito, Equador.

Ainda durante o Congresso, foi realizada uma Sessão aberta para Membros do ICLEI na América Latina e Caribe, com a presença de representantes de Cidades como Belo Horizonte (Brasil), Buenos Aires (Argentina), Itu (Brasil), Montevideo (Uruguai), Puebla (México), San Rafael de Heredia (Costa Rica) e Sorocaba (Brasil) e Temixco (México).

Durante a sessão, o Vice Prefeito de Belo Horizonte apresentou o Caderno produzido sobre ‘Ação Internacional para uma cidade sustentável’ como resultado do Projeto AL-LAs, que serviu como insumo para as discussões. As decisões do RexCom foram então compartilhadas com as cidades presentes e seguidas de um debate aberto sobre a atuação da rede na região e as experiências das cidades presentes.

As Cidades acolheram as decisões do Comitê Executivo Regional (RexCom) sobre os temas a serem priorizados e compartilharam inúmeras experiências de sustentabilidade em iniciativas como parcerias público-privadas para construção de BRTs no âmbito de estratégias de mobilidade; renaturalização e despoluição de rios como infraestruturas verdes, naturais nas cidades e seu uso como base do planejamento territorial e da resiliência urbana; edificações sustentáveis e estratégias de enfrentamento às mudanças climáticas.

A reunião culminou com a identificação do desejo coletivo pela maior integração do bloco regional Latino Americano de cidades e governos subnacionais, reconhecida a importância de Congressos e eventos para interação entre os representantes, mas destacado o pleito por plataformas perenes e interativas, alimentadas pelas próprias cidades da rede com suas experiências para compartilhamento dentro do ICLEI.